sábado, 29 de dezembro de 2007

Faccioso? Eu???

Quem tem que assistir a jogos de futebol narrados pelos comentadores nacionais certamente desespera com aquilo que ouve.

Não falo tão somente da falta de vocabulário ou dos erros. Agora referia-me, especificamente, à claríssima apetência que quase todos eles têm para não só não esconder como quase fazer questão de exibir a sua preferência clubística.

O relato de um jogo de futebol deve ser isso mesmo: uma narrativa, uma descrição dos factos, sem tendencialismos, sem exageros.

Um excelente exemplo de como deve ser feito um relato é-nos dada pelo locutor brasileiro deste pequeno video.
Linguagem isenta e transparente até para quem não percebe nada de futebol.
Ora ouçam:

video

0 sorrisos: