sábado, 5 de janeiro de 2008

ReciQUÊ????

Na passagem de um ano para outro, há sempre muita coisa que muda.

Apesar de estarmos ainda no princípio do novo ano, os portugueses parecem que ainda só deram por duas alterações: os (tradicionais) aumentos dos preços e a questão da nova lei do tabaco.

Quase ninguém deu por aquela que é, provavelmente, a maior mudança: a alteração da política do Governo no que diz respeito à reciclagem.

Se no ano passado assistimos a uma intensa campanha para incentivar a reciclagem e a utilização dos ecopontos (lembram-se dos anúncios com as criancinhas?), para este ano tudo mudou.

Não sei se fui o único que reparei, mas já dei por ela. Só ainda não percebi se a intenção é que se deixe de se fazer reciclagem, ou se pretendem que as nossas casitas se transformem em ecopontos.

É que mesmo que queiram reciclar, não o podem fazer. Estamos já a 5 de Janeiro e este é o panorama generalizado por grande parte (pelo menos) da zona da grande Lisboa:
Situação que se arrasta já desde uns dias antes do Natal...

7 sorrisos:

André Gonçalves disse...

Aqui no deserto ainda se faz reciclagem.
Nós e as tradições...

Rita Rente disse...

ontem, a meio da manhã, dirigi-me à BP do restelo. logo à entrada estranhei à entrada a falta de ar irrespiravel e da nuvem de fumo azul que habitualmente paira no ar daquele estabecimento (uns minutos mais tarde reparei num policia com ar primitivo, de mão na anca em jeito de rosa peixeira, que olhava ameaçadoramente para as poucas pessoas que estavam sentadas - as que quisesses mesmo, que fossem puxar do seu cigarrinho para a rua). Pedi, fora do meu habitual golden virginia, um maço de sg de mentol - resposta imediata: 'o bi?' resultado, virei-me para quem estava atras 'tens aí o bi? optimo. compra-me uns sg verdes por favor'. isto para dizer que a lei do tabaco apenas contribui para que as pessoas fumem à mesma, na mesma quantidade (ou em maior, que isto de formalidades é um stress) e tendo a idade que tiverem. o espaço em que se fuma terá que ser alterado apenas uns centimetros, estratégicamente calculados para uma qualquer personagem tape o cigarrinho.

Sorrisos em Alta disse...

André,

Acredites, ou não, por essa e por muitas mais razões, invejo "o deserto".

Sorrisos em Alta disse...

Rita,

Tens toda a razão.

É por isso que fumo outra marca e vou a outra gasolineira!
:o)

Pacanherros disse...

Espera, sacos de plástico no ecoponto verde??? Eu não dei isso na escola...

Tita disse...

pá... REVOLTEM-SEEEEEEE

Sorrisos em Alta disse...

Pior é o que está dentro dos sacos de plásticos!

Que PORCARIA de bebidas que esta gente anda a mamar!